The Whitcher – A Saga da Saga!

The Whitcher – A Saga da Saga!

postado em: Mãe, eu que fiz! | 0

Quanto mais as obras de que somos fãs se multiplicam nas mais diversas plataformas, mais adoramos essas obras e mais fãs somos. É o caso de The Witcher.

Inicialmente uma trilogia literária, em 2007 transformou-se em game e agora, para 2020, vira série pela NetFlix.

Não sem antes já ter se tornado HQ, jogos de mesa, jogos de tabuleiros, jogos de carta e outras séries de televisão.

The Witcher – Contexto

A História se passa em um continente não identificado claramente e divido em quatro regiões. Não há mapas oficiais, porém, muitos dos criados pelos fãs são quase exatos, conforme declaração do próprio autor.

Elfos vindos de outra dimensão povoaram este continente a milhares de anos dividindo as terras com Gnomos e Anões que já ocupavam o espaço. No entendo, não vieram de boa. Rolou guerra e os Anões acabaram liberando espaço nas planícies e florestas para os Elfos.

Colonos humanos chegaram depois e depois demais guerras saíram vitoriosos. Acabaram dominando a área e subjugando para segunda classe aqueles que não eram humanos.

Estes, por sua vez, passaram a viver em pequenos guetos dentro de assentamentos humanos. Mas, também podiam ser vistos em áreas desérticas que não foram reivindicadas pelos humanos.

Entre as outras raças do continente, estão os Metadílios e as Dríades; porém, lobisomens e vampiros surgiram depois do evento mágico conhecido como a Conjunção das Esferas.

The Witcher – contos e romances

Da imaginação do escritor polonês Andrzej Sapkowski, The Witcher nasce com uma série de contos e romances lançados entre o fim dos anos 80 e início dos 90, no país de origem do escritor.

A história é ambientada em um mundo de fantasia medieval onde os bruxos são caçadores de monstros. Geneticamente modificados para adquirirem poderes sobrenaturais quando ainda jovens, estes bruxos recebem sua missão.

Porém, para Sapkowis no mundo restam poucos bruxos. E um deles é Geralt de Rívia. Por isso cinco dos livros lançados foram intitulados A Saga do Bruxo Geralt de Rívia. Foi daí que vieram os jogos.

The Witcher - Livros

The Witcher – Jogo

Com um começo tímido, mas, virou o jogo de RPG e se tornou uma das mais bem-sucedidas franquias de game, divididos em formato de trilogia.

Do Windows para PS4 e X Box One, em 2015 recebeu vários prêmios de Jogo do Ano, que foram entregues à trilogia final The Witcher 3: Wild Hunt.

Lançado em 2007 pela desenvolvedora polonesa DC Projekt RED e publicada pelo Atari, traz novidades de jogabilidade do mundo RPG.

No game o jogador pode escolhe entre 3 estilos de luta diferentes para serem usados em diferentes situações e contra diferentes inimigos: Rápido – mais fraco, mas mais rápido, Forte – causando mais danos, mas, mais lento e Em Grupo para ataques múltiplos ideal quando cercado.

Além das espadas, porém, Geralt de Rívia utiliza-se de poções mágicas que possuem diversas funções. Assim como podem ajuda-lo na regeneração, também o entregam a possibilidade de enxergar no escuro.

Tudo para ajudar Geralt a cumprir sua missão: curar a filha do rei Foltest, Adda, que foi amaldiçoada a se transformar em um monstro feroz, introduzindo o jogador ao trabalho dos bruxos.

Importante lembrar que a força do jogador é entregue conforme a descrição da literatura de Andrzej Sapkowski.

The Witcher - game

The Witcher – Série NetFlix

Com lançamento previsto para 2020, a série vai ter 08 episódios.

Diferente dos 13 que a plataforma está habituada a entregar em suas produções originais, a Série vai ser inteiramente filmada no Leste e centro europeu, principalmente na Polônia, terra onde nasceu a história.

Já sabemos que a série não vai se basear no game, mas, na literatura.

Outra informação que colhemos é de que Hollywood já está preparando seu filme sobre o título.

The Witcher - NetFlix - Naftalina Humor

—————–

Gosta de ler?

Hoje é Dia Mundial do Livro! Leia!

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *